Esteatose Hepática – Como a Nutrição pode te ajudar?

Esteatose Hepática – Como a Nutrição pode te ajudar? Por Brena Gato

Anúncios

Você tem ou conhece alguém com esteatose hepática?!

O QUE FAZER?⁣

1) Busque seu peso ideal, já que a obesidade (principalmente visceral) é um importante fator de risco;⁣

2) Prática regular de atividade física e alimentação com menor conteúdo e carga glicêmica ;⁣

Anúncios

3) Controle o consumo de açúcar, doces e carboidratos simples evitando bebidas adocicadas (achocolatado, sucos em caixa, guaraná natural, refrigerantes…), pães, bolos e biscoitos com farinha refinada (cream cracker, bolachas, bolos prontos, etc), sobremesas, etc.⁣

4) Limite o consumo de bebidas alcoólicas, como a cerveja que possui carboidrato e álcool que é hepatotóxico (todas as bebidas alcoólicas são tóxicas ao fígado);⁣

5) Excesso de chás, como o chá verde, também pode ser hepatotóxico! Não faça uso aumentado e evite chás com mistura de muitas ervas (ex: chá 30 ervas);⁣

6) Cuide do seu intestino, pois a inflamação advinda de uma microbiota em desequilíbrio com maior fragilidade da barreira intestinal podem aumentar a inflamação hepática;⁣

Anúncios

7) Alguns fitoterápicos como Silybum Marianum (silimarina), Cynara scolymus (Alcachofra), vitamina E, colina, betaína, cisteína, entre outros nutrientes podem ajudar na proteção e recupeção do fígado se associados às mudanças no estilo de vida citadas acima! ⁣

Procure um profissional capacitado para avaliar o seu caso e fazer uma prescrição individualizada. Esteatose hepática tem cura!

Leia Também:

O Poder de Maçã

Vote post

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe seu comentário:

Seja o primeiro a comentar!