Aguarde, carregando o site...

Probióticos – Estratégia para o Tratamento da Endometriose

Por Érica Góes – Eii nutri, você sabia que o uso de probióticos é uma das estratégias que eu uso com as minhas pacientes para o tratamento da Endometriose?

Anúncios

Entenda…

A endometriose é uma doença ginecológica de causa multifatorial e complexa, que apresenta uma ativação crônica do sistema imunológico por conta da deposição de tecido endometrial em regiões fora da cavidade uterina.

Com o avanço no estudo da relação do intestino com a saúde e o papel da microbiota no desenvolvimento de várias doenças, hoje já se sabe que as bactérias intestinais afetam o metabolismo do estrogênio, principal hormônio envolvido no processo inflamatório responsável pelo surgimento e progressão da endometriose.

Estudos científicos demonstraram em ensaios clínicos que a microbiota intestinal participa, por exemplo, da pré-estimulação de células do sistema imunológico, direcionando-as para os locais de inflamação induzidos em regiões fora da cavidade uterina.

Por isso, o uso de probióticos é uma possível estratégia na prática clínica para o tratamento nutricional da endometriose.

Por exemplo, Itoh e colaboradores buscaram analisar o impacto de uma cepa probiótica específica (Lactobacillus gasseri OLL2809) com habilidade de estimular a secreção de IL-12, uma citocina anti-inflamatória capaz de reduzir a deposição de tecidos endometriais fora da cavidade uterina.

Saiba Mais sobre o Programa Endometriose

Após 21 dias consecutivos de administração oral dessa cepa probiótica, foi observada uma redução das lesões endometriais extrauterinas e redução nos níveis inflamatórios.

Comenta aqui abaixo: você sabia disso? Já usa probióticos com as suas pacientes?

Referências Científicas:
DOI: 10.1016/j.ajog.2016.02.036.
DOI: 10.1007/s10616-011-9343-z

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo