Pular para o conteúdo

Carboidratos à Noite – Grande Mito?

Há várias situações onde incluir carboidratos complexos no jantar ou na última refeição é uma excelente estratégia!

1- Treino intenso e de força muito cedo e não há tempo para comer antes.

Neste caso, a refeição pré-treino é a última do dia anterior e o carboidrato será reservado no músculo na forma de glicogênio para ser usado no dia seguinte.

2- Treinos “em jejum” com manutenção da performance

Pessoas que treinam cedo e passam mal comendo antes se beneficiam da ingestão de carboidratos complexos à noite pelo mesmo motivo do exemplo anterior.

3- O objetivo é ganho de massa muscular e o jantar ou a última refeição é o pós treino

Carboidratos ajudam demais na recuperação muscular após o exercício e logo, na hipertrofia.

4- Pessoas com insônia ou sono ruim

O estímulo de insulina gerado pelos carboidratos ajuda a induzir o sono e melhorar sua qualidade.

5- Pessoas exarcebada de doces no período noturno

A ingestão de carboidratos complexos ajudam demais a controlar a vontade de doces e de beliscar.

Carboidratos Complexos

Tubérculos em geral (batatas, aipim, inhame…), arroz integral, aveia, macarrão (integral, sem glúten) são ótimos exemplos e opções.

Além desse, muitos outros mitos circulam pela internet e as pessoas não sabem mais o que fazer, como fazer… são informações isoladas, dicas aleatórias que não fazem sentido em um contexto, e as pessoas ficam cada vez mais perdidas!

Hora tal coisa é boa, hora não é… e elas ficam tentando aplicar tudo, sem sucesso, e se frustrando! E vira uma saga sem fim, a saga de tentar ganhar massa muscular, tentar perder gordura… mas parece cada vez mais difícil conseguir. Acontece isso com você também?

Matéria da nutricionista Ursula Romano

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deseja receber notificações sobre as atualizações mais recentes? Sim Não