Espironolactona ou Aldactone: Será que ajuda mesmo?

Por Carol Faria – A Espironolactona (ou Aldactone) não é um medicamento para SOP (Síndrome dos Ovários Policísticos); não é um remédio para acne ou excesso de pelos.

Anúncios

É um diurético, muitas vezes usado como anti hipertensivo que tem como efeito COLATERAL a diminuição dos receptores de testosterona.

Ou seja, o hormônio continua sendo produzido mas não desempenha papel por não estar ligado ao seu receptor.

É por isso que, enquanto é usado, pode causar melhora dos sintomas da SOP (especialmente acne, queda de cabelo e hirsutismo).

Mas, o que acontece quando você para o medicamento?

E


BINGO! Os sintomas voltam, e podem voltar piores.

Também é um medicamento fortemente contra indicado para mulheres que não tem um método contraceptivo seguro.

Anúncios

Caso você engravide usando o medicamento, ele pode causar má formação fetal, especialmente em embriões do sexo masculino.

Agora me responde aqui nos comentários: será que vale à pena usar um medicamento como esse apenas para mascarar os sintomas da SOP, sabendo que eles podem ser tratados através da alimentação e estilo de vida?

Claro que em alguns casos (e com acompanhamento médico) é um remédio que pode fazer parte do tratamento e auxiliar as portadoras com o controle dos sintomas, mas que fique claro: ele não substitui a dieta e o estilo de vida, que são a base desse tratamento contra a SOP!

E você, usa ou já usou o remédio? Qual resultado observou? E o que aconteceu quando parou?

Com amor e muito foco, Nutricionista Carol Faria

Anúncios

Veja Também:

Melhores Frutas na SOP e RI

Vote post

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe seu comentário:

Seja o primeiro a comentar!