O Calorão da Menopausa e a Nutrição

O Calorão da Menopausa e a Nutrição – Por Aline Guerra

Anúncios

Se você entrou na menopausa e sente que tem os sintomas como fogachos, dificuldade em dormir, durante a relação não está lubrificada, sente mudanças de humor, saiba que todos esses sintomas pioram a sua saúde e como consequência a sua musculatura.

Os fogachos, calorões, dificuldade em dormir são sinais de uma inflamação crônica que você já tem a tempos e que agora só se agravou e que precisa ser corrijida com anti-inflamatórios como cúrcuma, maca peruana e suplementação ajustada a sua necessidade (b12, ácido fólico, magnésio, vitamina D, zinco….), porque sem eles você não ganhará massa magra.

Sente que durante a relação está mais “seca”, isso ocorre pela redução do estradiol, e para isso é importante que busque um profissional para analisar todos os seus níveis hormonais, e ver a importância de uma reposição do que está faltando em seu corpo, para que facilite o seu ganho de massa magra e possa voltar a ter a sua vida sexual ativa e menos riscos de infecção urinária, uma vez que estradiol baixo te deixará mais suscetível a infecções urinárias por escherichia coli.

Mudança de humor, tem relação com a queda hormonal e saúde intestinal, que nessa fase também fica debilitada, importante tratar elas para ajudar no ganho de massa magra.

Anúncios

Mas então qual seria as dicas para ganhar massa magra e melhorar os calorões na menopausa?

– Eliminar todos os sintomas da menopausa;
– Alimentação anti-inflamatória;
– Exercício físico, exercício de força é ótimo para prevenir osteoporose, osteopenia e perda de massa magra;
– Ótima noite de sono;
– Alimentação com proteínas ajustadas a sua necessidade para que consiga melhorar o tônus muscular;
– Modulação intestinal, para que assim o seu corpo fique em equílbirio e consiga absorver os nutrientes e dessa formar ter o resultado desejado.

Mas e quais proteínas poderia ser utilizado nessa fase?

Proteína vegana, proteína de carne, whey protein (para quem não tem problemas com leite); colágeno hidrolisado, colágeno verisol, colágeno bodybalance, pool de aminoácidos, isso como complemento a uma alimentação com proteínas magras: ovo, carnes.

E você está passando pro isso? Se sim comenta aqui.

Anúncios

Leia Também:

Disbiose Intestinal na Menopausa

Vote post

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe seu comentário:

Seja o primeiro a comentar!