Usa Puran também Precisa de uma Nutricionista

Vejo muitos pacientes achando que, por já usarem Puran, não precisam de uma nutricionista para auxiliar na regulação da tireoide. Eles estão enganados e explico a razão!

Anúncios

Bom, como sabemos o Puran nada mais é do que o T4, ou seja, a versão INATIVA do hormônio que precisa ser convertido em sua forma ATIVA, o T3, nos tecidos-alvo.

É aqui que entra a nutricionista, ajudando o seu organismo a potencializar essa conversão e aumentar os níveis do hormônio ativo!

Para isso, ela vai te ajudar a:

  • Modular o cortisol – a principal causa de distúrbios da tireoide é o estresse. Em situações de estresse o zinco cai. Esse mineral é fundamental na conversão de T4 em T3, juntamente com o selênio.
  • Fazer uma dieta de detox hepático – tanto o T4 quanto o T3 precisam de proteínas transportadoras produzidas pelo fígado para atuarem.
  • Reduzir os disruptores endócrinos – substâncias semelhantes ao hormônio que se ligam aos receptores e impedem a função hormonal correta.
  • Adequar a quantidade de proteína da sua dieta – uma ingestão adequada de proteína ao longo do dia é importantíssimo para transportar os hormônios.
  • Modular sua microbiota intestinal – um intestino saudável é fundamental para otimizar a conversão de T4 em T3.
  • Melhorar a saúde das suas células – muitas vezes temos altos níveis de T3 reverso o que indica alta produção hormonal, porém, este hormônio chega na célula mas não funciona. O problema pode estar na membrana celular.

Cuidado com alguns nutrientes:

Suplementos de ferro, cálcio e magnésio podem atrapalhar a absorção adequada do Puran. É necessário dar um intervalo entre eles.

Alimentação rica em fibra também reduz a absorção do medicamento, por isso é prescrito em jejum pelo médico.

Quanta coisa né!? Você também achava que não precisava de nutri usando Puran?

Anúncios

Leia Também: Tireoide e o Ciclo Menstrual

Matéria da Nutricionista Fernanda Lopes

Vote post

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe seu comentário:

Seja o primeiro a comentar!