O Ciclo “Sem Fim” da Infecção Urinária

Se identificou? As infecções do trato urinário (ITU), que são infecções em qualquer parte do trato urinário, são extremamente comuns e bem chatinhas.

E isso é pq elas quase sempre voltam, pelo menos se nada for feito para quebrar esse ciclo.

As ITUs podem ser causadas uma série de fatores como: falta de higiene, função imunológica prejudicada, uso excessivo de antibióticos, uso de espermicidas e relações sexuais, mas a causa mais comum, disparada, é a transferência da bactéria Escherichia coli do trato intestinal para o urinário.

E uma vez diagnostica, o tratamento geralmente é na base do antibiótico mesmo, embora muitas vezes seja desnecessário, podendo causar ainda mais problemas no futuro.

E porque? Porque o antibiótico mata as boas e as más bactérias, e uma das funções das nossas bactérias benéficas é justamente impedir o crescimento de bactérias patogênicas e manter uma boa integridade da barreira intestinal.

Deu pra ver o tamanho do problema?

E com isso, você fica muito mais suscetível a novas infecções, urinarias ou não. E não pense que isso vale apenas para ITU, isso vale para uma série de outros problemas que tendem a ocorrer em “ciclos”, como candidíase, amigdalites e uma série de outras “ites”

Embora os medicamentos possam ser uma solução fácil a curto prazo, a longo prazo, você continuará a ser suscetível a infecções do trato urinário e essas infecções podem ser ainda piores.

Por isso é importante tratar a causa do problema! Cortar o mal pela raiz! Melhorar sua alimentação, reverter um quadro de disbiose intestinal e vaginal, “turbinar” sua microbiota intestinal, eliminar alimentos alergênicos e inflamatórios é o caminho para uma vida sem ITU!

Se quiserem um outro post com os suplementos que mais uso quando atendo pacientes com ITU é só deixar um nos comentários! Se batermos pelo menos 200 comentários eu trago o post pra vcs!

Matéria do Nutricionista Felipe Rossini

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe seu comentário:

Seja o primeiro a comentar!