Osteoporose e Má Absorção Intestinal

Por Ligiane Loureiro – Descomplicando Intestino

Anúncios

A osteoporose se tornou um problema de importância mundial.

A doença é marcada por perda de massa óssea; os ossos se tornam menos densos, frágeis e mais sujeitos a fraturas.

E vem cá: você sabia que o intestino pode estar envolvido? Pois é…

Anúncios

O principal fato é a má absorção de nutrientes pelo Intestino que tem diversas causas, e dentre elas, as doenças inflamatórias intestinais e doença celíaca, que prejudicam a vilosidades e microvilosidades, diminuindo a superfície de contato do Intestino.

Quando pensamos na osteoporose, a falta de cálcio (que pode ser pela má absorção intestinal) é identificada pelo nosso corpo.
Quando isso acontece, nosso organismo busca maneiras de equilibrar os níveis séricos.

Na prática, observamos o aumento do PTH (paratormônio) pela paratireoide.

Quando o PTH se eleva, os osteoclastos são recrutados.

Anúncios

Qual o problema disso? Eles recorrem ao cálcio dos ossos, para equilibrar os níveis sanguíneos.

A longo prazo, os ossos ficam fragilizados e nosso paciente pode cursar com a osteoporose.

E tudo isso, pode ter contribuição da má absorção de nutrientes pelo Intestino.

Nutri, é claro que existem inúmeros nutrientes essenciais a manutenção da nossa saúde óssea, como silício, zinco, fósforo, vitamina D e K, no entanto, quis dar ênfase ao cálcio.

Você sabia que tudo isso poderia acontecer?!

doi.org/10.1016/S8756-3282(98)00178-1

Autoria: @ligianeloureironutri
PhD em Ciências Nutricionais/UFRJ
Idealizadora do Método DI.

Vote post

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe seu comentário:

Seja o primeiro a comentar!