Alumínio Causa Câncer?

O alumínio é um dos elementos mais amplamente distribuídos na crosta Terrestre e atualmente é usado por diversas indústrias podendo ser um problema se ele for acumulado no organismo humano causando danos devido a sua intoxicação.

Atuamente, o risco de exposição ao alumínio para humanos é muito alto, pois ele pode entrar no corpo humano por meio de contaminantes alimentares excessivos, inalação de partículas finas ou por via parenteral como adjuvante de vacina , etc, e em altas concentrações pode causar problemas de saúde principalmente quando na forma de íons em que ele é solúvel em água.

Diversos estudos tem demonstrado que o excesso de alumínio pode gerar neurotoxicidade e parece estar associado a doença Alzheimer;

Outros estudos mostram que 40% do alumínio ingerido na dieta se acumula no intestino e isso pode diminuir a diversidade da microbiota intestinal;

O acúmulo excessivo de alumínio pode levar a doença óssea principalmente em pacientes renais crônicos e crianças;

Mas quanto a pergunta se o alumínio causa câncer, alguns trabalhos tem tentado mostrar essa relação, mas ATÉ O MOMENTO NÃO HÁ EVIDÊNCIA CIENTÍFICA COMPROVANDO QUE ALUMÍNIO CAUSA CÂNCER, principalmente quando comparado com outros fatores como exposição ao cigarro, arbesto e outras substâncias já classificadas como carcinogênicas.

Mas como excesso de alumínio pode estar associado a danos neurológicos, ósseos e impactar na saúde intestinal, o ideal é evitar a exposição excessivo a esse metal e caprichar numa alimentação saudável rica em ervas e especiarias como coentro, oregano, salsa,etc , além de consumir folhosos verde escuro ou adicionar um delicioso suco verde no seu dia a dia.

Agora que você já sabe disso, compartilha essa informação para que mais pessoas saibam disso.

Matéria da Nutricionista Alice Pinho

Leia Também:

Como Minimizar à Exposição ao Alumínio?

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe seu comentário:

Seja o primeiro a comentar!