Bebida Alcoólica e seu Estrogênio

Será que uma cachaçinha pode contribuir para aumento do estrogênio ou um risco aumento para câncer de mama?

Anúncios

Para me ajudar a responder essa pergunta, trouxe um estudo que investigou a associação entre o consumo de álcool, o nível de estrogênio e a densidade mamária entre mulheres em idade fértil.

Neste estudo, foi realizada uma análise em mais de 800 mulheres, que forneceram informações sobre seu consumo de álcool e outros fatores de estilo de vida.

Amostras de sangue e saliva foram coletadas para avaliar seus níveis de estrogênio durante todo o ciclo menstrual.

Anúncios

Além disso, a densidade mamográfica foi obtida a partir de mamografias digitalizadas, tiradas entre os dias 7 a 12 do ciclo menstrual.

E quais foram os achados?

Houve uma associação positiva entre o álcool e o estrogênio. Mulheres que relataram consumir mais de 10g de álcool por dia tinham em média 18% de aumento no nível de estradiol.

Além disso, houve uma associações positivas entre o consumo de álcool a longo prazo e a densidade mamográfica. Mulheres que relataram beber mais de 7 drinks por semana tinham 48% mais densidade mamográfica absoluta do que as que bebiam menos de um drink por semana.

O estudo não consegui identificar se um tipo específico de bebida alcoólica afeta mais os níveis hormonais e a densidade mamográfica.

Anúncios

Exemplo prático para as cachaceiras de plantão.

  • 1 cerveja de (350ml) = 14g de álcool.
  • 1 taça de vinho (150ml) = 12g de álcool.
  • 1 dose de Whisky (44ml) = 10g de álcool.

Os autores explicam as associações principalmente pelo efeito do álcool na metabolização do estrogênio / influência na atividade da aromatase, enzima responsável pela conversão de andrógenos em estrogênios.

Embora este estudo não prove que o consumo de álcool causa câncer de mama, ele fornece evidências de que o álcool pode ser um fator de risco para câncer de mama e muito provavelmente também para doenças estrogênio-dependentes, como endometriose, miomas, cólicas…

Me conta nos comentários o que bebe e com qual frequência? Se for vinho, me chama.

Matéria do nutricionista Felipe Rossini

Veja Também:

Programa Alimentação e Endometriose – Protocolo 4R

O Consumo de Álcool depleta essa Vitamina

Vote post

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe seu comentário:

Seja o primeiro a comentar!